Pesquisadora da USCS analisou a renovação da linguagem nos quadrinhos ‘La mudanza’ e ‘Cena con amigos’, publicados primeiramente na Internet

(São Caetano do Sul – SP) – A popularização das mídias digitais trouxe novas oportunidades de negócios para o mercado de HQs (Histórias em Quadrinhos). Para fugir do custo da impressão, dos impostos e das produções estrangeiras, quadrinistas do Uruguai passaram a apostar nos blogs como a primeira alternativa para divulgar e comercializar suas produções. Segundo estudo da USCS (Universidade Municipal de São Caetano do Sul), a nova mídia proporciona visualização e propagação de artistas uruguaios e seus trabalhos em todo o mundo.

Autora da dissertação “A renovação das histórias em quadrinhos uruguaias em blogs: uma análise da produção contemporânea”, Ana Paula Rodrigues de Ferro analisou como os artistas de HQs do país adaptaram suas artes para acompanhar a blogosfera. A pesquisadora aponta que as novas ferramentas de criação e veiculação das tirinhas proporcionam uma arte sequencial sem a necessidade de saber desenhar ou dominar programas complexos de edição de imagem. “Basta ter uma boa ideia.”

Neste universo, o leitor também pode interagir. “A interatividade, a animação e outros recursos são características que fazem das produções veiculadas na Internet diferentes dos originais publicados em papel”, constata Ana, ao afirmar que, na contemporaneidade, a produção de quadrinhos não está mais nas mãos de poucos. “O processo de criação na web tornou-se mais divertido e significativo”, sugere.

EXPERIMENTAÇÃO – Para realizar a pesquisa, a autora selecionou duas histórias em quadrinhos e analisou a transposição midiática do virtual para o impresso. São elas: La mudanza, de Nicolás Peruzzo, e Cena con amigos, de Rodolfo Santullo e Marco Vergara, publicadas primeiramente em blogs e consequentemente impressas pelas editoras Belerofonte y Loco Rabia (2009) e Ninfa Comics (2013).

Ao comentar o aspecto de inovação em sua pesquisa, Ana destaca as redes sociais virtuais como outro recurso importante na nova forma de divulgação das HQs. “Como o mercado editorial de quadrinhos do Uruguai é bastante restrito, os autores buscam na Internet o espaço para divulgar seus trabalhos. O blog é uma importante ferramenta de comunicação, interação e compartilhamento de ideias, informações e conhecimentos de forma colaborativa”, observa.

O estudo revela a Internet como um lugar de experimentação e inovação desse tipo de arte, permitindo que os próprios usuários criem conteúdos. “Estamos descobrindo novas estruturas de narrativas, aproveitando as lacunas deixadas pela indústria de produção de conteúdo. As tirinhas são o exemplo dessas novas possibilidades de criação e veiculação nas mídias digitais”, ressalta a pesquisadora.

O professor doutor Roberto Elísio dos Santos orientou a pesquisa e destaca que “a importância deste estudo reside no desvelamento de uma produção de histórias em quadrinhos que, embora seja de um país fronteiriço ao Brasil, é desconhecida por parte dos leitores brasileiros”.

Sobre o Mestrado em Comunicação

O programa de Mestrado em Comunicação da USCS objetiva contribuir com a geração e difusão do conhecimento científico no campo da Comunicação e, com isso, dar consecução à missão da universidade junto à comunidade interna e externa. Pretende ainda contribuir na formação de pesquisadores e docentes com visão crítica e científica do campo da Comunicação face a uma sociedade em constante transformação. Informações sobre o programa: http://www.uscs.edu.br/posstricto/comunicacao/.

Mais informações à imprensa:

Universidade Municipal de São Caetano do Sul – Assessoria de Comunicação

Luciano Domingos da Cruz – tel. 4239-3259 – e-mail: comunic@uscs.edu.br

Quadrinistas do Uruguai apostam em blogs para divulgar e comercializar HQs